Minha Frase preferida desde o mes de julho de 2013

"A felicidade de um amigo deleita-nos. Enriquece-nos. Não nos tira nada. Caso a amizade sofra com isso, é porque (ela a amizade) não existe." Jean Cocteau

Seres Espelhados Espalhando Sonhos e Delírios como eu

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

NO BALANÇO DAS HORAS.

     O calor era incalculável para os passageiros naquele ônibus que trafegava da cidade para o subúrbio numa noite chuvosa de quinta-feira. Crianças, idosos, jovens homens e mulheres se apertavam enquanto o coletivo se arrastava no engarrafamento daquela via. Ela se espremia e por mais que se esquivasse, pelo menos um, dos muitos homens, a apertava de encontro a outros que em pé se equilibravam. Não era de propósito, mas não tinha como evitar que se tocassem. De frente com um negro jovem e forte ela evitava o contato, mas que nada. Quanto mais ela se mexia, mais excitado ele ficava e não deu para segurar. Ele se deixou ficar na posição que lhe cabia e no balanço dengoso, por hora gostoso, as partes se encaixaram. Ela sentia o forçar por entre as coxas e ele, comprimido pelas necessidades de espaço e de tesão se liberou em grandes espasmos dando asas a sua imaginação; achava que se casara e depois da festa adentrava o quarto na intenção da cama com a mulher que escolhera para lhe pertencer. Carinhos, palavras quentes ao pé do ouvido e finalmente o golpe final que a prostrara aos seus pés, totalmente nua, sem forças, definitivamente sua. Por outro lado ela o via despido de vergonha e de pecado e nos seus braços se deixou conduzir para o altar dos sacrifícios aonde sentiu-se ofertada, oferecida ao deus pagão que no auge de uma grande festa a possuiu de todas as formas na frente daquelas que aplaudiam o que  fazia, sem esconderem a inveja que  sentiam.
     Chegado o final da linha cada qual acordou do seu sonho, ajeitou sua roupa e partiu sem mesmo um olhar nos olhos de cada um.                                           (Foto da Internet).

6 comentários:

  1. Coisas que acontecem, mas no fundo se perdem.Muito bom o texto.

    ResponderExcluir
  2. Hun... pra quem esta saindo para trabalhar
    e le seu texto ha duas opções
    ou evitar o onibus pois verá essa situação.
    Ou... rsrs
    entrar no mais cheio que passar e sonhar
    e sonhar...
    ai ai.
    Bjons e adoro começar a semana com seus textos
    provocantes!

    ResponderExcluir
  3. Bah que situação, para o homem deve ser possível esse rompante de erotismo, mas a mulher criada com uma educação casta deve ter outro pensamento deste dilema.
    Tenha uma ótima semana.

    ResponderExcluir
  4. Ônibus é sempre oportunidade de criar prá mim! Texto muito legal!

    ResponderExcluir
  5. Um texto que revela muitas realidades que acontecem nestes autocarros super lotados.
    Beijocas
    Graça

    ResponderExcluir
  6. Este texto relata realidades que acontecem em autocarros super lotados.
    Beijocas
    Graça

    ResponderExcluir

Que bom que veio, fique a vontade o quanto desejar.
Se apenas leem eu gosto. Mas se comentam eu adoro!
Volte sempre para o abraço entre sonhos e delírios
Catiaho Alc/Reflexo dAlma
http://reflexodalma.blogspot.com/
http://reflexosespelhandoespalhandoamigos.blogspot.com/
,

Venho aqui e Olho pro amanhã dessa forma: com ALEGRIA!

Venho aqui e Olho pro amanhã dessa forma: com ALEGRIA!
Já caminhei muito tempo sem me dar conta do quanto é importante o que eu sei, quero e posso. Passei muio tempo dando prioridade a todos ao meu redor. Daqui pra frente meu olhar obedece a uma nova perspectiva, pois minha palavra de ordem é ALEGRIA.Não quero e não vou viver mais um segundo sem esse ingrediente essencial.. Experimentem e depois de contem o resultado. CatiahoAlc, terça feira 05 de janeiro de 2015

Eu sempre entre meus sonhos realizados e meus delírios incessantes...

Eu sempre entre meus sonhos realizados e meus delírios incessantes...