Web Statistics

Minha Frase preferida desde o mês de julho de 2013

"A felicidade de um amigo deleita-nos. Enriquece-nos. Não nos tira nada. Caso a amizade sofra com isso, é porque (ela a amizade) não existe." Jean Cocteau

Seres Espelhados Espalhando Sonhos e Delírios como eu

Translate

quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Texto 3 - Meu coração é minha bússola. O Navio do Intento

Aqui recomeçam as aventuras da nave prateada.
O navio do intento.
Quando os piratas amam, eles escrevem.
Porque ela é a estrela que guia meu coração...
Meu coração é minha bússola... E marquei um X no meu mapa. Porque ela é o meu tesouro...
O amor é essa eterna busca.
Nunca saberemos o que é o amor...
Amo esta terra. E sinto que ela retribui. De maneiras misteriosas a terra me ajuda a ser um homem pleno de poder. É o alimento que vem da mãe Gaia.
Quero que vocês respirem comigo este ar Novo que trago de mamãe. E de meu amor pela Terra.
Quero que vocês sintam a plenitude que sinto.
A tristeza só cabe mesmo a quem não tem amor por esta maravilha de planeta.
Consciente de si mesmo, planeta azul.
Transcender aos apelos da morte, para ser livre. Essa é a missão. Esse é o desafio.
Cabe a cada um de nós. Individualmente. Lutar para adquirir este poder. Se não estivermos alinhados com esta vibração, então vale sempre a pena se perguntar. O que estou fazendo aqui?
Se sua resposta sair fraca. Sem sentido. Você precisa mudar. Então mude.
Espreite-se.
Seja implacável consigo mesmo.
Não há empreendimento mais digno da nossa existência. Acredite no seu poder. Não importa se ele for grande ou pequeno, pois é tudo o que você é, perante o Universo.
Sinta isso que estou escrevendo.
Viva isso que estou escrevendo e você vai ver sua vida mudando de uma vez por todas. E você vai entrar num caminho sem volta.
Prometam jamais desistir até o derradeiro salto.
Para aqueles que sabem, sentem do que falo, desejo mesmo que estas palavras cheguem até vocês.
Que fluir nas ondas da rádio intento, seja mais do que uma necessidade.
Seja o poder.
Intento inflexível.
João Almeida.


 CANÇÃO METAMORFOSE AMBULANTE 
COM  RAUL SEIXAS


IMAGENS EM

ILUSÃO DE ÓPTICA










terça-feira, 19 de novembro de 2019

AO PÉ DO OUVIDO.







Não fale, não pense e se possível nem me olhe. Deixe fluir os 
desejos, mas antes prepare-se para uma emoção que poderá 
levá-la do céu ao inferno em uma viagem de ida com 
permanência não sabida. O tempo e eu seremos a máquina que 
enlouqueceremos todos os seus sentidos, enfeitiçaremos você, 
os seus sonhos e a induziremos à realidade da fantasia. Não 
quero nada que seja seu, a não ser o olhar, o seu toque e os seus 
pensamentos. Não quero as conquistas que não sejam dos seus 
encontros, abraços e beijos, dos seus carinhos e levá-la pela mão 
através dos meus caminhos rumo ao infinito aonde eu, 
parede-meia, moro com as estrelas.

Texto contido no livro `rosa Inversa
do autor silvioafonso 

SEMPRE CLARICE 
EU 
E NÓS 
E VOCÊS...


FRASES DE CLARICE SEMPRE ME TRADUZINDO...
Obs>: Caso alguma frase ou citação não for da autora, 
por favor me avisem que retirarei imediatamente.















Mesmo
Quando  não escrevo
Eu penso Poesia
É uma das
Forças que
Me move
Comove
E impulsiona
Com ela o impossível
Se mostra
Se faz
E se desfaz
É por ela que a
 Vida
Passa
Perpassa
Transpassa
E com ela que a
Vida
Em palavras
Bela se
 Faz
Pra mim viver
 É
Simples
Assim
Mesmo
CatiahoAlc.
entre sonhos e delírios
08121011015
Pasargada


Encanto e Desencanto

Eis que o encanto as vezes se confunde...
se mistura as conchas do mar 
ou com as pedras do caminho.
Outras vezes também o confundo 
com a as folhas de um outono
que ao chão vão se misturando uma a uma.
Também confundo o encanto
com o sorriso que morre lentamente 
no canto da boca triste.
Esse é um fato de fato.
Encanto é como o brilho da lua, 
continua lá no céu de dia,
mas enquanto as luzes do sol 
não são todo apagadas,
ela não volta a brilhar plena.
Encanto é assim desse jeito precisando
que o coração bata descompassado,
que a brisa sopre de leve,
que as conchas estejam no caminho
e que as folhas sejam levadas pelo vento.
Só assim em um sopro o encanto volta
e toma seu lugar na vida de quem ousa ser pleno.
Encanto e Desencanto ;
uma questão de momento.
CatiahoAlc./Reflexod'Alma

1305081003

POESIA EM FORMA DE CANÇÃO
Cheio de Vazio
Paulinho Moska
LETRA DA CANÇÃO
Cheio de Vazio
Paulinho Moska

O vazio é um meio de transporte
Pra quem tem coração cheio
Cheio de vazios que transbordam
Seus sentidos pelo meio
Meio que circunda o infinito
Tão bonito de tão feio
Feio que ensina e que termina
Começando outro passeio

E lá do outro lado do céu
Alguém derrama num papel
Novos poemas de amor

Amor é o nome que se dá
Quando se percebe o olhar alheio
Alheio a tudo que não for
Aquilo que está dentro do teu seio
Porque seio é o alimento
E ao mesmo tempo a fonte para o desbloqueio
E desbloqueio é quando aquele tal vazio
Se transforma em amor que veio

Lá do outro lado do céu
Alguém derrama num papel
Novos poemas de amor

Do outro lado do céu
Alguém derrama num papel
Novos poemas de amor

O vazio é um meio de transporte
Pra quem tem coração cheio


IMAGENS
O lugar onde vivo e que ouso chamar de "Minha Pasargada", está inteira assolada
por muita chuva de forma contínua. Apesar do feriado muita gente cancelou a vinda
 ao Estado por esse motivo. As cidades estão sofrendo perdas incalculáveis.
Eu e minha família moramos de forma segura e a quantidade de chuva não nos afeta de forma grave, o que não é consolo, pois ver o sofrimento do povo da terra que nos acolheu e acolhe é algo muito ruim. Então resolvi não publicar imagens de dores e sofrimentos e Sim de Esperança, pois ao olharmos através da janela sempre  se quisermos por a imaginação para funcionar poderemos ter pensamentos de Esperança. Nosso lugar é forte e vai se recompor como sempre faz.
Bjins
CatiahoAlc. Editora do Blog











quinta-feira, 14 de novembro de 2019

Texto 2- O navio do intento, segundo ciclo.

Este é o segundo texto que vem como um novo ciclo.
A nave prateada.
O navio do intento.
Os guerreiros e guerreiras, não conseguem aplacar totalmente a tristeza e solidão, pois sentem o impacto do Universo...
Além do mais, perderam seus escudos. Esses escudos são as coisas que fazem. Elas precisam refletir a pura vontade do poder. 
Daquilo que alimenta a gente. Do intento. Se não refletir o poder. 
Essas próprias coisas que fazemos, nos enfraquecem. Tornam a vida, fria, triste e sem sentido.
Então a frieza do infinito se faz presente em cada fibra da gente... De forma misteriosa ela nos mostra o caminho a seguir.
Precisamos ser implacáveis conosco se quisermos sobreviver as ondas cósmicas do intento.
Se estivermos cheios de auto importância, orgulho, vaidade. 
Cheios de história pessoal. Ficamos pesados. Na inconsciência.
Para se catapultar a outros mundos precisamos de firmeza. Nervos de aço.
Uma vontade feroz. Só assim temos uma mínima chance de ter sequer uma chance, de mergulhar no inimaginável...
Enquanto isso gira o mundo em sua loucura descontrolada. E em torno do mundo gira o dinheiro e a glória, mas os guerreiros e guerreiras dignos desse nome, não flutuam mais com o mundo, criaram seus próprios dispositivos de soerguimento da flutuação do mundo, e conduzem suas vidas de forma disciplinada e desapiedada, de forma que passam a transcender e a realizar, não apenas coisas abstratas, mas verdadeiras estruturas complexas que mudam a realidade ao seu redor.
O mundo pragmático da feitiçaria toma um rumo diferente. E o que era uma vida vazia passa a ser uma vida intensa. Cheia de poder. Aventuras e sorte.
Passo a passo vamos progredindo no caminho.
Estes são os contra pontos de uma vida vazia e uma vida cheia de poder.
Então, passo a passo, vamos seguindo nesse caminho que exige muita criatividade. A criatividade vem do nagual. E através da criatividade e do poder pessoal que passamos a acumular, vamos praticar três movimentos fundamentais. Primeiro, acenamos para o intento. Segundo, limpamos o elo de conexão com o intento, e terceiro, manipulamos o intento.
É preciso lutar, sem esmorecer, sem lamuriar, até obter a compreensão de que todo o poder está dentro de nós.
A nossa caravana não é a do desespero.
Se você como eu. Vibra na intensidade necessária para essa transformação. Eu e você estamos mais próximos do que imaginamos. Basta ir seguindo nessa trilha, que nos encontramos de alguma forma.
João Almeida

CANÇÃO COM
Vangelis

IMAGENS







terça-feira, 12 de novembro de 2019

NO CÁLICE E NA ALMA


,,

Busquei e esperei por ti nos bares da cidade. Noites
a dentro eu pensava em ti e bebia. Bebia pensando
nos momentos que tu me davas e dos quais, jamais,
eu esqueci. Finalmente, depois que se ia a madrugada
e chegava o amanhecer eu reparava que tu nunca me 
deixaras só. Tu estavas sempre ali, na minha frente,
sorrindo como sorri quem é feliz, linda sem deixar de
olhar nos meus olhos e bebias no meu copo, da minha
bebida que já turvava a minha vista, tirava o meu piso
e me vazia ver-te no fundo do meu cálice vazio que
escapava de minha trêmula mão e como eu, caia ao chão.
OBS: Texto contido no livro do autor ProsaInversa
CatiahoAlc. editora do Blog

CANÇÕES INESQUECÍVEIS
Obs: É muito bom quando podemos agradar ao 
Autor e ao Leitor.

Até hoje nenhum leitor  havia dado a alegria de
de sugerir uma canção. 
leitor: Atendendo a  sugestão PDR


Autor: Nosso autor de hoje (Palhaço Poeta)
tem apreço por Elvis e suas canções.





IMAGENS 
LUGARES  de CALMARIA E INSPIRAÇÃO DESSE NOSSO BRASIL








Venho aqui e Olho pro amanhã dessa forma: com ALEGRIA!

Venho aqui e Olho pro amanhã dessa forma: com ALEGRIA!
Já caminhei muito tempo sem me dar conta do quanto é importante o que eu sei, quero e posso. Passei muio tempo dando prioridade a todos ao meu redor. Daqui pra frente meu olhar obedece a uma nova perspectiva, pois minha palavra de ordem é ALEGRIA.Não quero e não vou viver mais um segundo sem esse ingrediente essencial.. Experimentem e depois de contem o resultado. CatiahoAlc, terça feira 05 de janeiro de 2015

Eu sempre entre meus sonhos realizados e meus delírios incessantes...

Eu sempre entre meus sonhos realizados e meus delírios incessantes...