Web Statistics

Minhas Frases preferidas desde sempre:

"A felicidade de um amigo deleita-nos.

Enriquece-nos. Não nos tira nada.

Caso a amizade sofra com isso, é porque (ela a amizade)

não existe."

Jean Cocteau

...

"Saudade é a nossa alma dizendo para onde ela quer voltar."

Rubem Alves

Seres Espelhados Espalhando Sonhos e Delírios como eu

Translate

OBSERVAÇÃO NECESSÁRIA

LEITORESAMIGOS, Vocês já devem ter notado que as Publicações no Espelhando são compostas de mais de um item: Um Texto - Uma Can Cão - uma Poesia - IMagens. Deixo claro que: 1- Sou a única responsável pelas publicações 2- e seus conteúdos. 2- OS Itens das Publicações é para que CADA UM AMIGOLEITOR SÓ LEIA O QUE DESEJAR: OU O TEXTO (CON VERSA) OU A POESIA (COM VERSOS) OU OUÇA A MÚSICA (CAN ÇÃO) OU AS IMAGENS (FOTOS). CONTO COM A COMPREENSÃO DE VOCÊS QUERIDOS LEITORESAMIGOS CatiahoAlc.

segunda-feira, 30 de julho de 2018

Hoje acordei cedinho


Bem...
Eu sou uma mulher satisfeita com a vida que tenho.
Entretanto tenho de reconhecer que minha vida mudou muito de 2006 para esse 2018 e tenho convicção de ainda mudar muito até meu próximo aniversário dia 30 de dezembro quando completarei 56 anos.
Na verdade sinto ter me preparado para esse exato tempo e me vejo pronta.
Casamento estabilizado e satisfatório.
Filhos criados já vivendo suas próprias vidas.
Agora é não ficar parada aguardando a morte vir me buscar. Ela virá com certeza, mas terá de brigar para me levar e irei por não ter alternativa.
Hoje acordei cedinho sem necessidade, mas por costume, e primeiro fui caminhar na areia, foi interessante passar caminhando diante do prédio onde meu filho caçula e cia moram há dez dias.
Depois já ao final da caminhada e na reta de minha casa, tirei a roupa de caminhada e  fui brincar com as ondas para me entregar e sentir a água salgada beijar deliciosamente meu corpo.
Foram momentos maravilhosos.
Aqui faz um tempo de inverno maravilhoso pois há sol, há vento mas não há aquele frio gelado.
Tenho muitas tarefas a executar de  hoje em diante, entretanto não tenho pressa.
Tenho sim uma Paz na alma que me trás calma nas ações a serem executada.
Desejo a todos que por aqui passam: uma semana muito próspera e cheia de tudo de bom.
Eu?
Ah eu sigo com alegria, paz, sorriso no rosto e aquele caminhar como dizem que ando como se uma música eu tivesse na cabeça, e tenho mesmo!
E se disserem pra vocês que a vida não é bela; não acreditem porque ELA É BELA SIM!
Bjins
CatiahoAlc./ReflexodAlma

A Vida

É um conjunto
Uma união de atos e fatos
Uma somatória de coisas boas e ruins
Mas a gente 
Que é Gente
Precisa aprender
Precisa praticar
Precisa se posicionar
Porque senão 
Nos enquadram
Nós rotulam
Nos condenam 
Tudo isso sem perguntarrem
Por que das ações 
Por isso
Precisamos tomar 
Pulso
Iniciativa
Somos nós os responsáveis
Por nós mesmos
Nós pagaremos o ônus
E sem dúvida na cara grande
Nos tirarão o o direito ao merecido
Bônus
É assim
Desse jeito 
A VIDA
CatiahoAlc./Reflexod'Alma
TI



CANÇÃO
ZECA BALEIRO
DISRITMIA

Eu quero me esconder de baixo dessa sua saia pra fugir do mundo

Pretendo também me embrenhar no emaranhado desses seus cabelos
Preciso transfundir teu sangue pro meu coração que é tão vagabundo
Me deixe te trazer num dengo pra num cafuné fazer os meus apelos
Me deixe te trazer num dengo pra num cafuné fazer os meus apelos

Eu quero ser exorcizado pela água benta desse olhar infindo

Que bom é ser fotografado mas pelas retinas desses olhos lindos
Me deixe hipnotizado pra acabar de vez com essa disritmia
Vem logo vem curar teu negro que chegou de porre lá da boemia
Vem logo vem curar, vem curar teu negro que chegou, que chegou de porre lá da boemia
Vem logo vem curar teu negro que chegou de porre lá da boemia
Vem logo vem curar, vem curar teu negro que chegou, que chegou de porre lá da boemia
Eu quero ser exorcizado pela água benta desse olhar infindo
Que bom é ser fotografado mas pelas retinas desses olhos lindos
Me deixe hipnotizado pra acabar de vez com essa disritmia

Vem logo vem curar teu negro que chegou de porre lá da boemia
Vem logo vem curar, vem curar teu negro que chegou, que chegou de porre lá da boemia
Vem logo vem curar teu negro que chegou de porre lá da bo, lá da boemia
Vem logo vem curar, vem curar teu negro que chegou, que chegou de porre lá da bo, lá da boemia
Vem vem vem logo vem curar teu negro que chegou, que chegou de porre lá da bo, lá da boemia
Vem logo vem curar, vem curar teu negro que chegou, que chegou de porre lá da boemia

Me deixe hipnotizado pra acabar de vez com essa disritmia
Me deixe hipnotizado pra acabar de vez com essa disritmia
Me deixe hipnotizado pra acabar de vez
Compositores: Martinho Ferreira
Letra de Disritmia © Universal Music Publishing Group

sexta-feira, 27 de julho de 2018

Indo aos Céus.



SESC GRUSSAÍ/CAMPOS/RJ
 E SUAS LINDAS ESCULTURAS

Ia ao céu quando podia beijar-lhes os pés.

Porém são poucos os seres que tem a mesma 
percepção.
 Uns cócegas tem, outros  nervoso e até irritação. Pena, pois tem verdadeira paixão...
Especialmente depois do banho, quando limpos os pés tem  cor do desejo que tanto atrai.
Beijar de olhos fechados...
Passar a língua sentindo o arrepiar dos pelos e então subir bem devagar,
Percorrendo até parar ao meio,
meio que divide o corpo, 
bom parar ali,
 sentir o aroma do sexo que pulsando,
úmido se expõe quase que exigindo
 que o explorar continue...
Nesse tempo é bom lembrar que dessa vez
os pés proporcionaram perfeito
 início
  sem prenúncio ou pressa
 de desfecho
tão cedo...
CatiahoAlc.
http://folhetimemcontos.blogspot.com.br 
1208201213 de abr de 201510:22
CANÇÃO PARA ESSA POSTAGEM
ANTIGAMENTE PAULINHO MOSKA 
E HOJE APENAS MOSKA
COM UMA DAS MINHAS CANÇÕES PREFERIDAS:


Um momento de descontração e alegria em Família em Juiz de Fora


segunda-feira, 23 de julho de 2018

ANIVERSÁRIO DIFERENTE de 8 anos dessa Casa.



Peço licença ao amigo - parceiro, assim como aos que fazem parte da história deste blog para oferecer a festa do oitavo aniversário da página a uma pessoa muito especial, mesmo
nada tendo a ver com o Blog, mas sim com a minha jornada. Refiro-me ao querido Escritor Rubens Vieira de Oliveira. 
Comecei este blog, como já havia feito com outros projetos, contando como a força e o incentivo de excelentes blogueiros-amigos, sem os quais talvez não lograsse sucesso, para que sua agenda continuasse a ser diversificada e com qualidade como acho que tem sido. Nos meses de julho, durante sete anos, eu promovia um verdadeiro festival de textos excelentes e seus autores fantásticos. Fiz muitas dedicatórias em agradecimento pelas quais recebi provas de pareceria, cumplicidade e amor. 
Esse ano decidi que não arrumaria a casa para a festa do oitavo aniversário do blog, mas não posso deixar de pedir licença ao amigo e parceiros silvioafonso, assim como a autorização de; Ângela, Mirian e Andreia, filhas do Escritor Rubens Vieira, para dedicar a ele esta data, desde que concordem, como eu acho que o fizeram.
Sou grata a Deus por me permitir estar ao lado do Escritor, como amiga e editora de sua obra, enquanto saúde ele teve. A organização de suas obras; “O Dono do Território Capixaba” ( lançado em 2014/2015), assim como “Minha Praia do Suá” (editado mas não publicado), Foi a razão do nosso convívio.
Foi um prazer lidar com pessoa tão gentil, experiente e cativante. Duas vezes por semana eu tive o privilégio de trabalhar com essa pessoa.
No dia 23 de julho de 2017 ele resolveu nos deixar. Há um ano estamos tentando sobreviver sem a sua presença.
Como aprendi o 'Sr. Rubens' não me ensinou no passado, ele me ensina todo tempo quando me lembro de detalhes e das verdades dos seus conselhos.
Muito obrigada meu Deus por através do Rubens Jr. (filho do Sr. Rubens) hoje também (In Memorian) ter tido a felicidade e privilégio de ter conhecido, convivido e trabalhado com esse Ser maravilhoso que É e sempre Será para mim; o Sr. Rubens e sua Família.
Obrigada Ângela por me permitir publicar esse artigo e por me manter em contato.
Sou Grata a Zena pelo cuidado para com o trabalho de maneira que as vontades do autor prevalecessem. 
Hoje a Família vive um dia de profundo Sentimento e intensa Saudade. Um ano sem a sua presença, física; mas sim espiritual. Eu sei que de mãos dadas com sua amada, velam pela Família que tem conforto nessa certeza.
Hoje os Amigos e a Sociedade Capixaba têm uma lacuna que jamais será preenchida.
A Comunidade literária tem um representante de expressão.
Eu e o Espelhando temos a Honra de deixar registrado aqui o quanto o Escritor Rubens Vieira está Presente nesses oito anos de Blog, que representa bem seu papel. Hoje não é um momento só de tristeza pois a partida do Escritor Rubens Vieira Não foi um Final, mas o Marco de uma Estratégica Parada.
O Espelhando, portanto, comemora com você o seu oitavo aniversário, mesmo que sofrido, porém mais fortalecido. 
E que venham os próximos.  
CatiahohoAlc./Reflexd'Alma
23 de julho de 2018
* Grata a quem prontamente me auxilia na revisão. TA BÃO!?

Poesia
Saudade
Palavra boa
Revela o tempo bom
De gente vivendo com gente

Saudade
Palavra de quem respeita
Ama e cuida pra vida nunca ter fim
Pois a mente nos lembra
O quanto o tempo junto nos 
Beneficia sim

Saudade
Reunião de momentos
De fatos 
De fotos
E muitos afins

Saudade
Eu alimento
Enquanto a Vida sustento
Lembrando relembrando da gente
Do Inicio ao não fim
 Mas denomino pausa sim

Saudade
Não tem idade
Nem data de vencimento
Tem sim alegria
Do viver valer a pena cada instante 
CatiahoAlc/Reflexod'Alma
TI

Oswaldo Montenegro 
Metade



sexta-feira, 20 de julho de 2018

Bora Lá?! Poesia+Canção+Citações


Bora lá
Sonhar
Idealizar 
e
Realizar

Bora lá pois

A vida é curta
E não fica 
A somente 
A nos esperar

Bora lá

Reunir recursos
Construir acessos
Sejam estradas trilhas 
Ou caminhos

Bora lá

Pensar em pontes
Pra juntar gentes
Levá-los e traze-los
Às coisas da gente

Bora lá 

Beijar com vontade
Abraçar com verdade
Chegar ao climax
Sem meias vontades

Bora lá

Gente contente
Que como eu aprendeu
A rir de si mesmo ao ver no
Espelho o que de gostoso 
A si mesmo deu

Bora lá?

Bora lá vai!!
Essa é a sina da gente
Que sabe ser gente que vive contente
Bora lá!?
CatiahoAlc./Reflexod'Alma
810270020836TI

Canção para essa postagem
Tom Jobim
em
Chega de Saudade
E abaixo da canção da canção do Tom Jobim temos
o Wando com Fogo e Paixão


Vai minha tristeza
E diz a ela que sem ela não pode ser
Diz-lhe numa prece
Que ela regresse
Porque eu não posso mais sofrer

Chega de saudade
A realidade é que sem ela não há paz
Não há beleza
É só tristeza e a melancolia
Que não sai de mim, não sai de mim, não sai

Mas se ela voltar
Que coisa linda, que coisa louca
Pois há menos peixinhos a nadar no mar
Do que os beijinhos que eu darei
Na sua boca

Dentro dos meus braços
Os abraços hão de ser milhões de abraços
Apertado assim, colado assim, calado assim
Abraços e beijinhos, e carinhos sem ter fim
Que é pra acabar com esse negócio de você viver sem mim

Não há paz
Não há beleza
É só tristeza e a melancolia
Que não sai de mim, não sai de mim, não sai

Dentro dos meus braços
Os abraços hão de ser milhões de abraços
Apertado assim, colado assim, calado assim
Abraços e beijinhos, e carinhos sem ter fim
Que é pra acabar com esse negócio de você viver sem mim

Não quero mais esse negócio de você longe de mim

Vamos deixar desse negócio de você viver sem mim




Foto tirada em um lugar a 20 minutos de minha casa
na Praia do Jucu/Vila Velha/ES/Brasil

_____________________________________________________________________________

Vida na prática sem ideologia: 
Respeito e Afeto alimentado com amor sem promessas ou imposições. 
Citação 1:
'Somos assim todo esse tempo e faz tempo'. CatiahoAlc.
                  Citação 2: "O amigo não é o que vem à sua festa, 
                mas o que fica para a limpeza." silvioafonso


Citação 3:" Aprendendo a guardar mais as palavras para viver intensamente
a pratica. Eu posso melhorar, mas até aqui tem sido perfeito". CatiahoAlc.
Canção Especial





domingo, 15 de julho de 2018

Tempo Novo

Essa foto é uma homenagem a esses 2 amigos lindos no dia
que nos conhecemos Marcelo (Canadá) e Alfredo (MG)
Eu estou vivendo um tempo bom.
Um tempo sem atropelos ou frustrações; comigo com o outro ou com os  outros .
Vivo em um lugar que gosto e que me dá prazer acordar  nas manhãs e olhar pela janela,  ver lá fora as pessoas indo e vindo. Elevando minha cabeça constato estarem lindas as flores sob meus cuidados. Meu amigoafilhado afirma estar Eu velha, pois converso com plantas, minhas orquídeas e agradeço por me presentearem com a flora de cada vez.
Nesse momento tenho 5 delas com pendões lindos se espichando momento a momento.
A família segue seu rumo dia a dia, cada um na sua sina. 
As crianças crescem e nos alegram com seu desenvolvimento natural.
Com os amigosafilhados, mantemos acesa a chama da amizade, do afeto amor que nos deixa com saudade planejando quando acontecerá o próximo encontro.
Já do passado não sustento lembranças, quero mesmo alimentar a qualidade do tempo chamado presente.
Na vida profissional estou passando do rascunho escrito a mão desde 2008 para o arquivo o meu próximo livro. Um projeto bonito que resolveu ser hora de ser editado e de dividi-lo com o mundo. Faz tempo que não publico nada solo,  somente meu. A cada página passada a limpo eu me lembro de como foi escrever na papel e contei pro meu Mestre na escrita o quanto foi emocionante terminar a digitação da 1ª historia. Eu disse a ele que ele riria, mas eu contaria assim mesmo. Eu contei e ele riu mesmo! Foi bom ter noção antecipada da reação dele. 
Desejo muito que esse livro cause impacto em quem passar os olhos por minhas letras.
Deixa eu explicar algo: Eu adotei como Mestre na escrita a única pessoa que não contestou meu modo de me expressar na escrita, mas ao longo do tempo da conquista da minha confiança me explicou pequenos detalhes de uma escrita publicada. 
Orientação 1: 
Escreva pra você.
Leia pra você: 1, 2, 3, 4 e na 5ª vez releia em voz alta e só então publique.
Isso foi difícil, foi e é pois o dedo tem pressa de apertar o enter.
Eu sempre escrevi bem.
Sei organizar as idéias.
Mas eu errava usando as publicações para por pra fora sentimentos guardados.
Isso me dava uma impressão externa de ter um emocional instável. E depois do enter apertado: não dá pra voltar atrás e desfazer. 
Eu continuo errando, mas estou 1 por cento melhor.
Orientação 2: Presta atenção nos espaços entre as palavras e entre a pontuação.
Isso eu tenho exercitado e tem dado certo.
Tive algumas pessoas que me chamavam atenção, me davam bronca e faziam me sentir humilhada. Entretanto nunca me disseram  o que eu precisava prestar mais atenção.
Quando precisei por no lugar a pessoa certa Ela já havia era parte da minha vida e da minha escrita. Ela já havia me mostrado pelo menos essas duas orientações.
Pensei: Ah era isso? Porque não me disseram antes de bagunçar minha cabeça? Mas Ele disse e Eu procuro observar para errar menos, pelo menos nesses dois pontos.
Por tudo isso estou vivendo um tempo bom e vim compartilhar esse meu sentimento de vida aqui com vocês amigos da Blogsfera.
Pensamento meu: "Nem sempre quem nos afronta apontando nosso erros quer nosso bem, querem na verdade sim exercer poder e domínio sobre nós e sobre nossas ideias. 
Quem quer nosso bem faz como aconteceu e acontece: Ela aponta sutilmente  a direção e aguarda o amadurecimento no tempo certo da razão. Eu percebo o apontar, me calo e no tempo certo exercito."
OBS PERTINENTE: NESSE TEMPO NOVO ME PERMITO QUE ESTE TEXTO DEVA CONTER OS ERROS QUE CITEI, MAS ESTOU RELAXADA E NÃO QUERO CORRIGIR,TA BÃO?
CatiahoAlc./ReflexodAlma
"O amigo não é o que vem à sua festa,
mas o que fica para a limpeza." silvioafonso


Pequenos Rostos


São tantos pequenos rostos
     São tantos pequenos traços
       São tantos infindos poros
          São rostos alegres ou tristes
              São traços de amor ou ódio
São poros que exalam os odores da vida
São rostos
     São traços
        São poros
           Visíveis
              Presumíveis.
Mas os corações são mistérios enterrados
E as almas prisioneiras invisíveis.
Ah!
    Se...
       Se... se pudesse trazer à tona
            Os corações e as almas...
               E torná-las visíveis
           Presumíveis
             Então o mundo seria diferente
                 Feliz.
                   Com rostos e traços
                         Trazendo pelos poros
                            O restante do   4bendito
                                   Hálito da vida.
Então...                                                                   Seriam...
   Muitos rostos felizes!
     Muitas almas cristalinas
        Muitos traços realçados                    
           Trans... pi... ran... do
                  Res... pi... ran... do
                                VIDA!
CatiahoAlc./ReflexodAlma
Texto integrante do livro Reflexo d' Alma lançado em janeiro de 2010


Canção dessa Postagem
Tim Maia












sexta-feira, 13 de julho de 2018

Doce delirar

Acontece


Nesse universo do sentir
Cada instante um movimento
Tanto encanto pelos cantos
Canto da boca
Canto da canção de 
Ins 
Pi 
Rar
Brisa leve do querer
Que logo se torna em puro desejar
Ambos sentindo
Um do outro o pulsar
É a dança dos sentidos
Em sintonia sentem
Ela nele
Ele nela
Eles neles
Nós neles
Movimentos em sincronia
Canção desse reencontro
Desse longe que perto faz ficar
Coisa louca que só acontece entre seres
Que nessa vida
Muito bem sabem
Tanto sonhar quanto delirar
Eis que ato chega ao ápice
Pra depois um no outro
 Re 
Pou
Sar
CatiahoAlc./Reflexo'dAlma
Copyright©soempalavras
 23342005012
2105120008
Hoje para essa postagem temos 2 Canções 
Martiália com Soneto do Teu corpo
Moska com Namora comigo


Meus momentos de liberdade: Eu e Ele (o Mar)


segunda-feira, 9 de julho de 2018

O Mundo precisa

Essa é Alice de 1 ano e 4 meses, ontem em um                     
momento  de cumplicidade da gente (meu e dela e do avô).
De gente que acredite no outro
Na vida
Na sina

Eu não sou exemplo
Mas acredito em
Mim

Exercito ser fiel a meus objetivos
Objetos e
Substantivos

O Mundo não precisa de
Foice
Faca ou Bandeira

Precisa de esperança
Encanto e
Poesia

Nada de rótulos
Classificações ou
Fracionamentos

O mundo precisa de
Gente contente com sorriso franco
De gente desarmada

Gente de bem consigo
Comigo e com o
Outro

Sem culpas
Cobranças ou
Julgamentos

O mundo precisa
Da e Gente sem limites
Como a Gente é Eu e Você
CatiahoAlc./Reflexod'Alma
810270010911

Canção para essa publicação
Gonzaguinha
E Vamos À Luta

LETRA DA CANÇÃO
Eu acredito
É na rapaziada
Que segue em frente
E segura o rojão
Eu ponho fé
É na fé da moçada
Que não foge da fera
E enfrenta o leão
Eu vou à luta
É com essa juventude
Que não corre da raia
À troco de nada
Eu vou no bloco
Dessa mocidade
Que não tá na saudade
E constrói
A manhã desejada...(2x)

Aquele que sabe que é negro
O coro da gente
E segura a batida da vida
O ano inteiro
Aquele que sabe o sufoco
De um jogo tão duro
E apesar dos pesares
Ainda se orgulha
De ser brasileiro
Aquele que sai da batalha
Entra no botequim
Pede uma cerva gelada
E agita na mesa
Uma batucada
Aquele que manda o pagode
E sacode a poeira
Suada da luta
E faz a brincadeira
Pois o resto é besteira
E nós estamos pelaí...

Acredito
É na rapaziada
Que segue em frente
E segura o rojão
Eu ponho fé
É na fé da moçada
Que não foge da fera
E enfrenta o leão
Eu vou à luta
É com essa juventude
Que não corre da raia
À troco de nada
Eu vou no bloco
Dessa mocidade
Que não tá na saudade
E constrói
A manhã desejada...

Aquele que sabe que é negro
O coro da gente
E segura a batida da vida
O ano inteiro
Aquele que sabe o sufoco
De um jogo tão duro
E apesar dos pesares
Ainda se orgulha
De ser brasileiro
Aquele que sai da batalha
Entra no botequim
Pede uma cerva gelada
E agita na mesa logo
Uma batucada
Aquele que manda o pagode
E sacode a poeira
Suada da luta
E faz a brincadeira
Pois o resto é besteira
E nós estamos pelaí
Eu acredito
É na rapaziada!

Foto tirada em Guarapari/ES/Brasil/2017




.

Ei!

O que estou escrevendo aqui NÃO É PESSOAL E NÃO SE

REFERE A NINGUÉM DA VIDA VIRTUAL E SIM DOS MEUS VIZINHOS

DE BAIRRO, OK?

Escrevo aqui para me expressar somente. Penso que estamos vivendo mais um dia e que devemos ser gratos a Deus e aproveitarmos todo aprendizado que esse dia nos trouxer. Devemos: usar máscara, mesmo os já vacinados , usar álcool gel, lavar as mãos ao chegarmos da rua, deixarmos os sapatos do lado de fora até serem limpos, evitarmos contato físico com pessoas que não vivem no mesmo recinto, evitar viajar (sem ser necessário) viajar a lazer nem pensar, não é hora de lazer, ainda que secos para tal estejamos. Eu ando com muita saudade dos meus amigosafilhados, das minhas irmãs e meu cunhado e de ver minha casa no RJ que está fechada desde janeiro de 2020, quando lá estive. Uma coisa tem me chamado muito a atenção: Parece que já terem sido contaminados e terem sobrevivido e a possibilidade da vacina, já deu a algumas muitas pessoas a ideia de estarem totalmente livres de contaminação, bem como os que já tomaram a vacina e passaram a ficar descuidados. Isso me preocupa muito. Estou reclusa em casa com meu marido e filho caçula há mais de 1 ano, vejo muito pouco meu filho mais velho, esposa e filhas que moram na cidade vizinha. Detesto não me sentir livre para ir e vir e mesmo para caminhar na orla que fica ha 3 ruas da minha casa. Vamos resistir mais um pouco, vamos preservar nossa saúde física e mental o mais que pudermos. Por hoje é o que eu penso; caso entendam que eu esteja errada: me perdoem. Bjins de bons dias a todos. CatiahoAlc.

Postagens mais visitadas

Atua LIz Ações