Seres Espelhados Espalhando Sonhos e Delírios como eu

Translate

ABRINDO AS COMEMORAÇÕES DE ANIVERSÁRIO DO BLOG ESPELHANDO


segunda-feira, 13 de dezembro de 2021

Com Texto HERÓIS SEM NOME - Com Canção - Com Versos

 


HERÓIS SEM NOME

Desde criança meu sonho era andar naqueles 
aviões que praticamente arrancavam as
 telhas da nossa casa quando
 morávamos no morro de um bairro pobre do Rio.  
Todos os dias à tarde eu corria para fora só para vir 
os soldados que, de dois em dois,
 saltavam dos vagões voadores. 
Com as mãos na cabeça eu sonhava ser tão corajoso 
como aquelas pessoas.
 Aos 15 anos tentei alistar-me no exército, 
mas meu pai não permitiu e só aos 17 vesti a farda  
que eu tanto queria entretanto nada falei 
quanto a categoria ou meu pai me proibiria, 
como antes, de eu arriscar 
a porcaria de vida que eu tinha. 
E como ele mandava nos sonhos dele 
queria dar palpite nos meus. 
Por ele eu seria lutador de nome o que ele, 
como bóxer, jamais conseguiu.  
Papai era um desportista, porém, jamais, 
ganhou qualquer coisa com o esporte.  
No quartel tinha outro paraquedista que lutava como
 meu pai, a diferença é que este vivia provocando 
os outros até passar a mão na minha bunda 
e eu meter a mão na cara dele. 
Para não ficar mal diante de todos o covarde 
me empurrou porta afora.   
O problema é que estávamos a dois mil pés de altura. 
Voávamos sobre Duque de Caxias e coincidentemente
 sobre Gramacho onde no dia seguinte faríamos
 os saltos programados. 
 Foi sorte ter acionado o paraquedas
 tão logo fui empurrado ou não estaria 
contando essa história.  
Dois dias depois procurei Torres, 
na Baiuca para lhe dar um abraço.  
— Obrigado, Torres.  
Fiquei sabendo que você foi 
o responsável pela dobra do meu paraquedas.  
Não fosse a precisão com que faz seu trabalho
 e eu não o estaria abraçando nesse momento. 
— Com os olhos molhados Torres me disse
 que até aquele momento nenhum soldado 
comentou seu trabalho com tamanho carinho.
 Torres talvez não se lembrasse que paraquedista 
com menos de 100 saltos,  como ele, não é ouvido
 por quem tem mais de mil. 
Quantas vezes fui a Baiuca conversar 
com os caras, quantas?  
Um montão e se fui não foi para ver em que mãos
 estavam a minha segurança, a minha integridade
 física ou a minha vida, mas para agradecer-lhes 
por fazer pelos outros, o que fazem para si próprios.
O tempo passou e levou com ele a minha infância 
e a juventude, menos a vontade de voar não levou 
e se me contassem que um bandeirante ou um
 Cessna que seja passou assustando
 os meninos talvez eu 
lembrasse do meu pai e chorasse.  
Chorasse por ele ser um sonhador, mas,  
por segurança, não me deixava dormir…
                                                       silvioafonso
Com Canção
Medo de avião
Belchior


Com Versos
Há um desejo em mim, 
que hoje não cessa.
Vem junto com um grito, 
que não tem força pra sair.
Desejo escrever versos,
 que apenas descrevam o belo.
Grito que faça reacender 
o lúdico que temos 
dentro de cada um de nós.
Mas acontece que  meus versos
 são somente reflexos.
Tons de uma alma em constante
 renovação ou seria revolução?
Apenas versos, 
parte do caleidoscópio que sou.
Cores não mais primitivas,
porém já decompostas 
no arco íris
 que é a vida.
CatiahoAlc./Reflexo d'Alma entre delírios e delírios

060720100559

9 comentários:

  1. Super post, Cátia!
    Texto, verso e canção, gostei!

    Tenha uma boa tarde!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Mais uma publicação super completa, fascinante de ler.
    .
    Um resto de domingo abençoado
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderExcluir
  3. Olá Catia!
    Ótimo texto e poesia!
    Seu blog é sempre muito bom de visitar!

    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  4. Comovente!

    Gostei de vos ler. Abraços.
    ~~~~

    ResponderExcluir
  5. A música, tudo a ver.
    Beijos e beijos, muitos.

    ResponderExcluir
  6. Forte abraço e um grande beijo
    Boa semana

    ResponderExcluir
  7. Gostei da história do Sílvio Afonso e amei o seu poema.
    Uma boa semana com muita saúde.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  8. Sem duvida, excelente e interessante publicação!! :))
    *
    ' A magia da noite' ...
    *
    Votos de um excelente semana.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  9. Poemas lindíssimos, do Silvio e o seu, amiga!!!
    Viajei pelos versos, junto com vocês, cada qual de uma maneira, dois voos diferentes, adorei!
    Grata pela partilha destas riquezas, amiga!
    Beijinhos
    Valéria

    ResponderExcluir

Que bom que veio, fique a vontade e o quanto desejar.
Se apenas ler; eu gosto. Se comenta: eu adoro!
Volte sempre para os
Bjins e Abraço entre sonhos e delírios
CatiahoAlc./Reflexod'Alma
https://frasesemreflexos.blogspot.com
https://aprendendocomelessempre.blogspot.com/

ACONTECEU E FOI MARAVILHOSO!

ACONTECEU E FOI MARAVILHOSO!

Postagens mais visitadas

Venho aqui e Olho pro amanhã dessa forma: com ALEGRIA e com ESPERANÇA

Venho aqui e Olho pro amanhã dessa forma: com ALEGRIA e com ESPERANÇA
Já caminhei muito tempo sem me dar conta do quanto é importante o que eu sei, quero e posso. Passei muio tempo dando prioridade a todos ao meu redor. Daqui pra frente meu olhar obedece a uma nova perspectiva, pois minha palavra de ordem é ALEGRIA.Não quero e não vou viver mais um segundo sem esse ingrediente essencial.. Experimentem e depois de contem o resultado. CatiahoAlc, terça feira 05 de janeiro de 2015

.

.

Postagens populares

.

Ei!

O que estou escrevendo aqui NÃO É PESSOAL E NÃO SE

REFERE A NINGUÉM DA VIDA VIRTUAL E SIM DOS MEUS VIZINHOS

DE BAIRRO, OK?

Escrevo aqui para me expressar somente. Penso que estamos vivendo mais um dia e que devemos ser gratos a Deus e aproveitarmos todo aprendizado que esse dia nos trouxer. Devemos: usar máscara, mesmo os já vacinados , usar álcool gel, lavar as mãos ao chegarmos da rua, deixarmos os sapatos do lado de fora até serem limpos, evitarmos contato físico com pessoas que não vivem no mesmo recinto, evitar viajar (sem ser necessário) viajar a lazer nem pensar, não é hora de lazer, ainda que secos para tal estejamos. Eu ando com muita saudade dos meus amigosafilhados, das minhas irmãs e meu cunhado e de ver minha casa no RJ que está fechada desde janeiro de 2020, quando lá estive. Uma coisa tem me chamado muito a atenção: Parece que já terem sido contaminados e terem sobrevivido e a possibilidade da vacina, já deu a algumas muitas pessoas a ideia de estarem totalmente livres de contaminação, bem como os que já tomaram a vacina e passaram a ficar descuidados. Isso me preocupa muito. Estou reclusa em casa com meu marido e filho caçula há mais de 1 ano, vejo muito pouco meu filho mais velho, esposa e filhas que moram na cidade vizinha. Detesto não me sentir livre para ir e vir e mesmo para caminhar na orla que fica ha 3 ruas da minha casa. Vamos resistir mais um pouco, vamos preservar nossa saúde física e mental o mais que pudermos. Por hoje é o que eu penso; caso entendam que eu esteja errada: me perdoem. Bjins de bons dias a todos. CatiahoAlc.

GALERIA DA MINHA SAUDADE DE SERES QUE DEIXAM SEUS BLOGS COMO LEGADO

HÁ SERES QUE FAZEM FALTA NO NOSSO DIA A DIA, MESMO NA VIDA VIRTUAL. ELAS DEIXAM DE PUBLICAR POR VÁRIAS RAZÕES ALGUMAS VEZES POR VONTADE PRÓPRIA E OUTRAS NÃO. ENTÃO NESSE TÓPICOE EU QUERO REGISTRAR A FALTA QUE FAZEM AO DIA A DIA DESSA MULHER POETA. ESSE É MEU JEITO DE REGISTRAR O QUE SINTO. CatiahoAlc 29 DE ABRIL DE 2021


.

.

IMAGEM DO NOSSO LUGAR

IMAGEM DO NOSSO LUGAR

GALERIA DA MINHA SAUDADE

MINHA HOMENAGEM A SERES QUE FAZEM FALTA NO MEU/NOSSO DIA A DIA, MESMO NA VIDA VIRTUAL, NÃO É UMA HOMENAGEM SOMENTE IN MEMORIAM, MAS HÁ SERES QUE POR MOTIVOS AVERSOS DEIXARAM DE PUBLICAR; ALGUMAS VEZES POR VONTADE PRÓPRIA E OUTRAS NÃO. UMAS SABEMOS O RAZÃO E OUTRAS NÃO. REFORÇANDO: NESSE TÓPICO EU QUERO REGISTRAR A FALTA QUE FAZEM AO DIA A DIA DESSA MULHER POETA. ESSE É MEU JEITO DE REGISTRAR O QUE SINTO. CatiahoAlc 29 DE ABRIL DE 2021


Imagens do Lugar que Amo

Imagens do Lugar que Amo

IMAGENS DO MEU LUGAR

IMAGENS DO MEU LUGAR

.

.

IMAGEM DO NOSSO LUGAR

IMAGEM DO NOSSO LUGAR

.

.

.

.